Publicado em: 03/08/2020 20h06 – Atualizado em: 23/08/2021 14h27

Induzir em / Induzir a

LEMBRE-SE:

Quando usar

Induzir em / Induzir a

O verbo “induzir” pode apresentar diferentes regências, dependendo do contexto em que for empregado.

1)     Com o sentido de “fazer cair em erro” e “arrastar”, “induzir” é um verbo transitivo indireto: deve vir acompanhado de um objeto indireto regido pela preposição “em”.

“Os jogadores foram induzidos em erro pela falta de clareza do treinador.”

“Orientações desencontradas induziram em erroos participantes da corrida.”

2)     Na acepção de “persuadir ou encorajar à prática de alguma coisa”, “incitar”, “instigar”, “aconselhar”, “induzir” é um verbo transitivo direto e indireto, ou seja, deve vir acompanhado de um objeto direto e um objeto indireto regido pela preposição “a”.

“As más companhias induziram-no a agir na clandestinidade.”

“Conselhos insensatos induziram-na a cometer atos insanos.”

“É dever de todo advogado induzir seu cliente a não ingressar em aventuras jurídicas.”

3)     Com o significado de “incutir”, “inspirar”, “causar”, “provocar”, “originar”, “resultar em”, é um verbo transitivo direto: deve vir acompanhado de um objeto direto, dispensando o uso de preposição.

“Sua atitude ponderada induzia respeitode seus subordinados.”

“A maneira como os pais agiam induziu insegurançanos filhos.”

“A Teoria da Relatividade respondeu a várias questões, porém induziu muitas mais.”

4)     Com o sentido de “concluir”, “inferir”, “deduzir”, “pressupor”, é também um verbo transitivo direto, portanto não requer o uso de preposição.

“Depois de lerem atentamente o regulamento, os funcionários induziram as atitudesque deveriam evitar.”

“Ao ter ciência do que pensava a chefia, Eugênia induziu a melhor decisãoa ser tomada.”

“Todos os avanços tecnológicos observados em sala de aula não permitem induzir que professores não mais serão necessários.”