Publicado em: 27/05/2021 11h38 – Atualizado em: 23/08/2021 14h27

Concordância nominal (V)

LEMBRE-SE:

CONCORDÂNCIA NOMINAL (V)

Apresentamos aqui mais algumas ocorrências que nos parecem interessantes e que podem “limar” nosso conhecimento e uso do idioma.

POSSÍVEL
Nunca é demais relembrar que esse adjetivo não sofre variação quando integrante de uma expressão superlativa com o artigo o no singular (o mais, o menos, o pior, o melhor, etc.), ou quando estiver acompanhada de quanto.

“Por causa da pandemia, as pessoas devem ficar o mais afastadas possível.”
“As reações a esse medicamento devem ser o menos pior possível, pois, do contrário, não vale a pena fazer uso dele.”
“É melhor que os investigadores façam perícias tão abrangentes quanto possível, para se embasar muito bem a posterior decisão judicial sobre o caso.”

Se antes da expressão superlativa o artigo variar, possível será flexionado de acordo com o termo a que se refere.
“Aquele funcionário sempre foi displicente, escolhendo as atividades menos trabalhosas possíveis.”
“Chega a ser irritante o quanto os convocados àquela CPI estão criando depoimentos os mais mentirosos possíveis.”

Ocomo pronome demonstrativo
O pronome demonstrativo o permanece invariável quando substitui outro nome, expressão ou frase, equivalendo a isso.
“Giselle é naturalmente bonita. Já sua irmã procura sê-lo (= ser isso) à base de muita maquilagem e procedimentos estéticos.”
“A compreensão da obra de Hegel é muito complexa, a professora bem sabia.” (= sabia que a compreensão da obra é complexa)

TAL QUAL
Esses dois termos, juntos, podem ter função adjetiva. Nesse caso, cada um é flexionado de acordo com o substantivo que qualifica.
“A literatura é uma forma de expressão artística tal quais outras formas, como o teatro, o cinema, a escultura, a pintura ou a música.” (tal refere-se a “expressão artística” e quais refere-se a "outras formas")

“Todos os “cineastas iniciantes” querem ser tais qual “seu ídolo”, que pode ser Federico Fellini, Luchino Visconti, Jean Renoir, Martin Scorsese, etc.” (tais refere-se a “cineastas iniciantes e qual refere-se a seu “ídolo”)
Em lugar de tal qual, podemos empregar tal e qual tal ou qual.

Tal qual também pode ter função de advérbio e, nesse caso, não deve ser flexionado.
“Eles fizeram tal qual foi solicitado.”

“Muito embora não seja perceptível olhando o céu, as estrelas se movimentam tal qual os planetas.” (= as estrelas se movimentam do mesmo modo que os planetas)

Terminamos mais um capítulo desta nossa série sobre concordância nominal. Como o tema é vasto, ainda temos mais o que abordar. Até a próxima!